Pontos quentes em cães

publicado por Jaclyn

Atualizado em

O blog I Love Veterinary é suportado pelo leitor e podemos ganhar uma comissão de produtos comprados por meio de links nesta página, sem nenhum custo adicional para você. Saiba mais sobre nós e nosso processo de análise de produtos >

Os cães lambem. Lambem para beber água, comer, demonstrar afeto e muitas vezes a si mesmos. Às vezes, esse hábito de lamber pode levar a condições indesejadas, como Dermatite úmida, também conhecido como pontos quentes. 

Os pontos quentes são uma condição muito comum causada por trauma auto-infligido. Eles são mais comuns em cães com pelos mais longos e predominantes em clima quente e úmido. 

Cão em exame por causa do ponto quente, Hot‌ ‌Spots‌ ‌on‌ ‌Cães‌ - I Love Veterinary

O que são pontos quentes em cães?

Os pontos quentes são considerados de superfície pioderma. superfície pioderma é quando apenas as camadas superficiais da pele estão envolvidas. este pioderma muitas vezes vem com uma infecção bacteriana secundária de trauma. 

É importante considerar todos os mecanismos de defesa da pele ao se educar sobre os pontos quentes. A pele é projetada para prevenir a infecção, mas a infecção ainda pode ocorrer facilmente. A lista a seguir mostra como a pele protege contra bactérias patogênicas: 

  • Pelagem - a primeira linha de defesa do seu cão na prevenção de arranhões ou cortes superficiais.
  • Rotação epidérmica - quando a pele é rompida, células novas e saudáveis ​​formam uma camada de cobertura.
  • Estrato córneo– esta área está bem empacotada com células epiteliais (a membrana fina que reveste e cobre muitas áreas dos órgãos, tecidos e glândulas de um cão) que ajudam a impedir que os organismos invasores continuem.
  • Os lipídios epidérmicos são usados ​​para proteção da superfície da pele, por exemplo, quando se formam crostas.
  • Sebo (ácidos graxos antibacterianos) - produzidos dentro das glândulas sebáceas que se formam para afogar as bactérias
  • Imunoglobulinas (anticorpos)
  • Interferon (proteínas que fazem parte da defesa natural do sistema imunológico)
  • Flora normal não patogênica - a flora normal do seu cão ajudará a combater a flora patogênica, impedindo-a de romper a superfície e causar infecção. 

Cão com pontos quentes, Pontos quentes em cães - Eu amo veterinário

Como é um ponto quente em um cachorro?

Pontos quentes podem ocorrer em qualquer parte do seu cão. Eles geralmente estão inchados, vermelhos e podem ter aparência crocante. Eles geralmente são dolorosos e podem levar à infecção se não forem cuidados. Eles são uma condição comum resultante de auto-trauma de lamber, morder e/ou coçar. 

Os pontos quentes são difíceis de parar porque criam um ciclo vicioso. Seu cão usará lambidas e mordidas para acalmar a área, mas também danificará ainda mais a pele. 

O que causa pontos quentes em cães?

Os pontos quentes são geralmente condições secundárias que são auto-infligidas. Muitas razões principais podem causar irritação na pele de um cão. Alguns problemas subjacentes comuns que podem levar a eles são:

  1. Doenças alérgicas de pele
  2. Ectoparasitas (pulgas/Carrapatos/ácaros)
  3. Otite Externa (infecções de ouvido)
  4. Doença do saco anal
  5. Casaco de cabelo sujo/emaranhado
  6. Corpo estranho de uma vara/galho
  7. Tédio/Estresse
  8. Cabelo molhado/úmido do calor/natação

Qualquer uma dessas razões pode fazer com que seu cão comece a lamber e morder uma área infectada. Uma vez que o local está inflamado, as bactérias irritadas podem entrar. É provável que a infecção ocorra neste ponto, tornando-o mais coceira. 

Pernas do cachorro que tem pontos quentes, Pontos quentes em cães - I Love Veterinary

Sinais Clínicos de Hot Spots

Existem alguns sinais indicadores de pontos quentes. Eles incluem:

  • Prurido (coceira)
  • Eritema (vermelhidão que geralmente aumenta de tamanho à medida que ocorre o trauma)
  • Edema (inchaço)
  • Exsudato sero-purulento (uma mistura de soro e pus, causando crosta amarelada nas laterais onde interfere no cabelo)
  • Dor– às vezes, a dor ortopédica fará com que um cão lamba a área para se acalmar

Tratamento de Hot Spots em cães

O tratamento do ponto quente dependerá da localização e da gravidade do mesmo. A questão principal deve ser abordada para impedir que os pontos quentes se repitam. O cabelo ao redor do ponto quente deve ser cortado e removido. É fundamental ter cuidado ao cortar para evitar maiores irritações na área; isso só iria perpetuar o problema. 

A limpeza do ponto quente é importante para remover qualquer bactéria ou fungo que esteja presente na superfície. Uma solução antisséptica, antifúngica e antibacteriana, como clorexidina (diluída), deve ser usada para limpar suavemente a área. 

Se o ponto quente for leve, apenas loções tópicas podem ser aplicadas. Se for grave, esteróides, juntamente com medicamentos tópicos, devem ser usados. Se a infecção estiver presente, então antibióticos também terá que ser administrado. Também é aconselhável garantir que seus cães recebam preventivos mensais contra pulgas e carrapatos. Se houver suspeita de pulgas ou qualquer outro tipo de ectoparasita, devem ser apresentados medicamentos para matá-los e preveni-los no momento do diagnóstico. 

Pulgas, pontos quentes no cão - eu amo veterinário

Como evitar pontos quentes em cães?

Dependendo do que está causando o ponto quente do seu cão, determinará como você deve evitá-los no futuro. Claro, qualquer uma das causas primárias pode ocorrer a qualquer momento, então é melhor saber como evitar todas elas. 

Vamos começar com tédio e estresse. Conhecer as características comportamentais do seu cão o ajudará a perceber quando ele está sofrendo. Mantendo o seu cão ocupado com exercício ou os seus brinquedo favorito pode aliviar sua energia. Se o estresse e a ansiedade não puderem ser administrados em casa, é melhor falar com seu veterinário. 

Claro, suponha que qualquer uma das doenças (infecção no ouvido, dermatite alérgica, doença do saco anal) são o principal problema. Nesse caso, seu veterinário terá que prescrever tratamento ao mesmo tempo em que trata o ponto quente. Manter a pelagem do seu cão bem cuidada e limpa para evitar opacos que podem ajudar a prevenir irritações.

Pescoço do cão com hot spots, Hot Spots on Dogs - I Love Veterinary

Ácidos gordos essenciais ou OMEGA 3s também podem ser administrados ao seu cão para promover uma pele e pelagem saudáveis. Se o seu cão gosta de nadar, certifique-se de limpar bem a pelagem depois de nadar e secar para evitar que a umidade fique presa. 

Se for esperado um corpo estranho, então é melhor que seu veterinário verifique. Dar e receber uma história completa ajudará a decidir o melhor curso de ação no tratamento e prevenção de pontos quentes. 

Resumo

Embora os pontos quentes sejam comuns, felizmente existem muitas maneiras de tratá-los. Mesmo que o tratamento em casa possa ser feito, é melhor procurar ajuda profissional. 

Muitas vezes, ficar à frente do problema pode ajudar na taxa de cura. Os pontos quentes geralmente requerem vários tratamentos que não podem ser fornecidos sem consultar o seu veterinário. Ficar por dentro dos comportamentos do seu cão e ser experiente em qualquer lambida pode ajudar a manter os pontos quentes afastados. 

O compartilhamento é cuidar!

AUTOR

Jaclyn é Técnica Veterinária Licenciada (LVT) e formada em jornalismo. Combinar seus dois interesses de escrita e medicina veterinária é uma verdadeira paixão. Jaclyn já criou seu próprio blog chamado The Four Legged Nurse. Ela é abençoada com dois filhos, um marido maravilhoso e quatro bebês peludos dedicados. Nas horas vagas ela adora passar tempo com a família, ler e andar a cavalo.

Recomendado

pediátrico para cães

Pedialyte para cães: 2024 atualizado

8 min read

Subscreva a nossa newsletter

Deixe seu e-mail abaixo para fazer parte do time I Love Veterinary e desfrutar de novidades regulares, atualizações, conteúdo exclusivo, novidades e muito mais!